Dicas para Período de Transição GIA EFD X GIA SP

Compartilhe nas redes!

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Este artigo vou tratar um pouco sobre uma tema bem atual e que anda “tirando sossego” de empreendedores e profissionais da área tributaria aqui no estado de São Paulo sobre como corresponder com as exigências e procedimentos para este período de transição da NOVA GIA para GIA EFD (Escrituração Fiscal Digital).
Em São Paulo este tramite esta ocorrendo por fases, sendo elas:

  1. ​Fase de Transição:

A Fase de Transição iniciou-se em nov/2018 e está sendo implantada de forma gradual. Assim, o Fisco e os Contribuintes poderão atuar juntos para validar o sistema.

  1. Participantes:

Participa desta fase um grupo de aproximadamente 35.000 contribuintes do Regime Periódico de Apuração – RPA.

  1. Obrigatoriedade:

Durante toda a Fase de Transição, as entregas da GIA e da EFD continuarão obrigatórias para todos os contribuintes.

  1. Acesso ao Sistema

Pelo Posto Fiscal Eletrônico, os participantes do piloto  poderão consultar a GIA da EFD, uma GIA “virtual” gerada automaticamente a partir dos dados da EFD.

  1. Comunicação:

Os participantes serão informados via Domicílio Eletrônico do Contribuinte – DEC das divergências de escrituração entre GIA e GIA da EFD e as inconsistências do sistema​.

Contudo, apesar de todas estas fases os contribuintes e profissionais estão encontrando dificuldades para esclarecer duvidas gerais que andam ocorrendo entre escrituração e analises do fisco. Por isso, intuito deste artigo é norteá-los com algumas dicas:

  • Leia o Manual de Transição neste endereço eletrônico:

https://portal.fazenda.sp.gov.br/servicos/gia/Paginas/Downloads.aspx como meio de norte.

Neste manual que ira baixar no link percebera informações precisas e como proceder para com apontamentos do fisco e significado das nomenclaturas usadas.

  • Leia Portaria CAT 66/2018 link:

https://portal.fazenda.sp.gov.br/servicos/sped/Paginas/Orienta%C3%A7%C3%B5es%20Portaria%20CAT%2066%20de%202018.aspx

Nesta portaria tambem tratado campos de outras/isentas e não tributadas do imposto ICMS para quesito da GIA EFD.

  • Entenda todos os blocos do EFD Fiscal
  • Faça sempre um de/para de sua escrituração ou seja dados que importou para GIA e para arquivo EFD.
  • E se mantenha atualizado com o assunto

E deixe seu comentário ou duvida no final deste artigo, vamos juntos disseminar conhecimento e agregar valor no mundo?

Fonte: Receita Estadual do Estado de São Paulo e Práticas Contadora Jaqueline Costa

Fique por dentro de tudo e não perca nada!

Preencha seu e-mail e receba na integra os próximos posts e conteúdos!

Compartilhe nas redes:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on linkedin
LinkedIn

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Posts Relacionados

Precisa de uma contabilidade que entende do seu negócio ?

Encontrou! clique no botão abaixo e fale conosco!

Recomendado só para você
A elisão fiscal se equivale a economia lícita de tributos,…
Cresta Posts Box by CP
Back To Top
Open chat